< voltar Compartilhe

Abel elogia Raphael Veiga e pede para que diretoria não negocie o jogador

12 de maio de 2022

Crédito da imagem: Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Na noite da última quarta-feira, dia 11, o Palmeiras venceu a Juazeirense por 2×1 e se classificou para as oitavas de final da Copa do Brasil. Após a partida, o treinador Abel Ferreira não falou sobre a não convocação de Raphael Veiga, mas rasgou elogios ao jogador.

“Eu não sou o técnico da Seleção e nem quero ser. Sou muito novo para ser técnico da Seleção, tenho 43 anos. Já disse ao Veiga, tudo no tempo de Deus. Ele só tem que fazer isto. A mim, o que mais me impressiona, não são os dribles, o que ele joga com bola, não são os pênaltis. Ele é um jogador completo, e quando é preciso correr atrás, ele ajuda”, afirmou Abel.

Abel continuou elogiando o meio-campista, que está no clube desde 2017, mas virou um dos principais jogadores da equipe a partir de 2020. O treinador também fez um apelo à diretoria para que não vendam o jogador.

“Técnica eu já sabia que ele tinha, agora o compromisso que ele tem, o jogador robusto que ele é, a única coisa que eu peço é que não venda esse jogador. Que ele se lembre sempre do que o fez chegar no nível que está. Se ele mantiver essa postura, quero que continue por muito tempo no Palmeiras”, afirmou.

Depois de se classificar na Copa do Brasil, o Palmeiras volta a campo no próximo sábado, às 16h30, contra o Red Bull Bragantino, no Allianz Parque, pela 6ª rodada do Brasileirão.

Compartilhe