< voltar Compartilhe

‘Lightyear’ é banido na Arábia Saudita por beijo gay

13 de junho de 2022

Reprodução Disney+

“Lightyear”, spin off de “Toy Story” focado no Patrulheiro Especial Buzz Lightyear, foi banido na Arábia Saudita por conter cena de beijo homossexual entre duas personagens.

De acordo com a Variety, um dos veículos que divulgou a informação, a Pixar nem chegou a submeter o filme para análise dos censores do país, justamente por saber que não seria aprovado sem cortes. ‘Lightyear’ também sofreu sanções nos Emirados Arábes; a animação inicialmente havia sido aprovada para exibição com restrições da censura imposta no país, porém a licença concedida foi revogada após protestos de grupos religiosos nas redes sociais, que acusavam o filme de insultar os muçulmanos e o islamismo.

A cena em questão mostra Alisha Hawthorne, amiga de Buzz Lightyear, em um momento com sua parceira, enquanto as duas formam uma família.

Anteriormente, a Disney tinha solicitado a Pixar que cortasse a cena de beijo lésbico. Entretanto, após o lançamento de uma carta aberta de funcionários contestando o pedido por “ativamente censurar demonstrações de afeto homossexual”, ela foi reintegrada ao filme. Lightyear é dirigido por Angus MacLane, co-diretor de Procurando Dory e de curtas de Toy Story.

No Brasil, Buzz será dublado pelo apresentador Marcos Mion. A estreia está marcada para essa quinta-feira, dia 16 de junho.

Compartilhe